Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física

Posição em 31/12 do exercício anterior à entrega da declaração

Informações Pessoais-

- Dados Pessoais do Declarante:- 

(Nome Completo, Número de Inscrição CPF, Data de Nascimento, Número de Inscrição Título de Eleitor, Endereço Residencial Completo, Profissão);

- Dados Pessoais dos Dependentes:-

(Nome Cometo, Número de Inscrição CPF e Data de Nascimento);

Cópia da última DAIRPF entregue:-

(Demonstrativo e recibo de entrega); 

Informes de Rendimentos Recebidos:-

No caso de empregado de empresa:- 

Informe de Rendimentos Recebidos de Trabalho Assalariado do declarante e dependente/alimentado;

No caso de empresário:- 

Informe de Rendimentos Recebidos de Participação Societária do declarante e dependente/alimentado;

No caso de segurado:-  

Informe de Rendimentos Recebidos de Aposentadoria / Pensionista / Assistência Social e ou Auxílio-Beneficio, Privado ou Oficial, do declarante e dependente/alimentado;

No caso do declarante ser proprietário de imóvel e perceber aluguéis no exercício/declaração:- 

Informe de Rendimentos Recebidos de Aluguéis no exercício; 

No caso de atividade autônoma - Livro Caixa:-

Informe de Rendimentos Recebidos de Pessoa Física e ou Jurídica;

Demais Rendimentos:- 

Informe de Rendimentos Recebidos de Outros Rendimentos no exercício, não especificados anteriormente, do declarante e dependente alimentado;

(ações, indenizações, prêmios e ou doações, ganhos de atividade Rural, etc.);   

No caso de Livro Caixa:-

- Documentos/Despesas realizadas no exercício, que subsidiaram a atividade profissional autônoma, exemplo:-

(Folhas de Pagamento/Funcionários, Consumo Água, Consumo Luz, Telefone, Notas Fiscais de Materiais de Uso e Consumo, Notas Fiscais de Serviços Prestados, etc.);

No caso de Carnê Leão/Mensalão:- 

- Darf´s pagos no exercício de antecipação - Carnê Leão/Mensalão;

Comprovantes de Despesas Pagas no Exercício:-

- Despesas com Médicos, Dentistas, Psicologos, Fisioterapeutas, Hospitas, Clinicas, Laboratórios e Planos de Saúde, pagos no exercício 

(Recibos, Laudos, onde demonstre o tratamento realizado e a forma de pagamento ao profissional contratado, informando o nome/razão social, CPF/CNPJ do prestador e valor pago no exercício);

- Despesas pagas com instrução própria ou do dependente/alimentado

(Informar nome/razão social, CPF/CNPJ do prestador e valor pago no exercício);

- Despesas pagas com Pensão Alimentícia

(Informar o valor pago no exercício, nome e CPF do beneficiário);

- Despesas pagas à Entidade de Previdência Privada do declarante e dependente/alimentado

(Informar o valor pago no exercício, razão social/CNPJ da entidade);

- Despesas pagas com doações 

(Informar o valor pago no exercício, nome/razão social e CPF/CNPJ do beneficiário);

- Despesas pagas com contratação de serviços autônomos de Engenheiros, Arquitetos, Advogados e demais profissionais autônomos

(Informar o valor pago no exercício, nome e CPF do prestador);

- Despesas pagas com Aluguél de Bens 

(Informar o valor pago no exercício, nome/razão social e CPF/CNPJ do proprietário); 

Bens

- Informar a variação patrimonial de um exercício para outro

(Aquisições e baixa de bens - forma, data, participantes, valor, características do bem detalhadamente, etc);

IMÓVEIS

- Matricula/Escritura atualizada dos imóveis;

- Espelho do IPTU do imóvel com identificação cadastral municipal, metragem da área do total e metragem construída;

VEÍCULOS

CRVL - Renavam;

BANCOS

Informe de Rendimentos Bancários das contas que possuir, contendo CNPJ da instituição, agência e conta com dígito verificador; 

Dívidas

- Informar a variação das dívidas contraidas de um exercício para outro

(contração e/ou baixa, constando forma, data, participantes, valores contratados/baixados, etc); 

Conjuge

- Resumo da DAIRPF do conjuge, para avaliação do fluxo de caixa do declarante;

(No caso do conjuge ser obrigado à entrega da DAIRPF);

- Informe de Rendimentos Recebidos pelo conjuge, para avaliação do fluxo de caixa do declarante;

(No caso do conjuge não ser obrigado à entrega da DAIRPF);  

Espólio

- No caso de falecido no exercício, trazer os ítens informados acima e nome/CPF do representante/inventariante;  
- No caso de falecido em exercício anterior trazer cópia do Inventário
(transito/jugaldo);

 
É necessário as informações acima até no máximo o dia 20 do mês de Abril de cada ano, pois, o prazo de entrega da DAIRPF encerra no último dia útil desse mês

Dinâmica Contábil © 2018 - Todos os direitos reservados